Electricidade Estática

Uma das muitas pequenas coisas que me chateiam.
Sexta-feira, 10 de Abril de 2009

Mais de uma semana depois do 1 de Abril

Tropecei por aí (não linko porque perdi-lhes o rasto) em conversas que ainda giram em torno da "autora" d'O Meu Pipi, "descoberta" e apresentada pela Time Out do passado dia 1 de Abril. Repito: do passado dia 1 de Abril.

Calculo que já vos tenha caído a ficha (aos poucos que ainda andavam a remoer o assunto).

Praticamente toda a Time Out do dia 1 de Abril era mentira. Eu só li on-line (como sempre) e percebi logo. Em papel imaginei que fosse ainda mais óbvio. Mas pelos vistos não.

De qualquer forma, não consigo culpar os leitores pelo excesso de credulidade. A culpa é da Time Out, que teve uma grande ideia e executou-a bem mas só até certo ponto - como o site da revista - bom só até certo ponto. Podia ser infinitamente melhor e, atrevo-me a apostar, mais rentável que a revista em papel - mas isso seria outro post ou então um breve serviço de consultoria de marketing on-line - contactem-me ;)

Mas de volta ao 1º de Abril. Ideia gira, com umas ligeiras pistas a denunciar a fantasia das coisas: os mesmos figurantes em todas as fotos, uma discreta ausência de moradas e contactos, um ou outro devaneio mais óbvio já a fugir para o final dos textos. E tudo coisas falsas mas realistas, que não existem mas que gostávamos que fossem assim, se existissem. E o editorial que prepara muito bem o terreno.

E porque é que afinal correu mal?
Porque falharam nos pormenores: assinaram as "notícias" com data de 31 de Março - azelhice do webmaster e/ou distracção do editor? - e não desmentiram no dia seguinte, como é habitual fazer-se em relação às petas da comunicação social. Neste caso, podiam ter desmentido na semana seguinte, mas nem isso. Deixaram no ar as mentiras marcadas com o dia 31 de Março e seguiram com a sua vidinha, os leitores que ficaram baralhados que se lixem. Falhas com origem no mesmo amadorismo que transpira daquele que podia ser um dos sites mais cool (e rentáveis) deste país.

 

Resumindo, isto é tudo mentira (deve haver mais, mas não li o site todo):

 

A História à flor da pele

Sapatos de princesa a preço de saldo

Jules e Júlio no Parque Mayer 

Massagens para todos ao preço da chuva

Um presidente gay na Câmara de Lisboa

Descobrimos a identidade do autor de O Meu Pipi

Peixinho da Horta: novo espaço para pais e filhos 

Uma bica e um manifesto modernista, sff


Um disclaimer no site, pelo menos, ficaria muito bem. Para todos se poderem rir e aplaudir a iniciativa. Todos, incluindo aqueles que têm andado à procura do telefone do Jules, para marcar mesa para Junho de 2010 e aquelas que todos os dias vão ao Chiado ver se já chegaram os Manolo Blahnik a preço de outlet.

.:. Patricia às 00:02
link | comentar | ver comentários (1)

Contacto

E-mail


Twitter


Facebook


Formspring.Me

Ultimamente

Primavera

Perguntem...

A propósito de nada em es...

Isto anda assim...

Mais de uma semana depois...

Isto acabou de me acontec...

A verdade.

A Prova dos Nove

A homossexualidade não é ...

A selva.

Pesquisa

 

Há mais tempo

Março 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Todos os dias

Subscrever

Estatísticas